Melhores gins nacionais e importados

Já ama a bebida da moda ou quer saber um pouco mais sobre ela? Então vem com a gente!

Por Ana Szevcynski
Atualizado em 12-02-2020

Depois de muito tempo deixado de lado no bar, os gins voltaram com tudo!

Apesar de muito rico em sabor, sofisticação e fazer sucesso por aqui na década de 80, caiu no esquecimento por não ser uma bebida muito "prática".

Isso porque ele, em geral, acompanha drinks com algumas etapas de preparação.

Mas agora que retornou, é justamente isso que o torna a bebida queridinha do momento: sua sofisticação.

Mas quais as melhores marcas de gins?

E os melhores gins nacionais e importados?

Existe gin bom e barato?

Gin rocks é bom? Gin seagers é bom?

Continue lendo que a gente vai contar tudinho para você: o que é, como é produzido, quais os tipos e, claro, quais as melhores marcas de gins!

Tá com pressa e quer ler a dos melhores gins agora? Então clique aqui!

O que são os gins

Os gins combinam com variados drinks!

São bebidas destiladas muito ricas em sabor e com uma grande variedade de ingredientes.

Cada rótulo de gin é caracterizado pela quantidade de zimbro, ervas, cereais, especiarias e sementes.

Zimbro é o único item obrigatório em qualquer produção de gin! Ele nasce em arbustos, tem um forte aroma, bastante carne, sugo e sementes. Na bebida, é usado na forma de óleo essencial.

Os outros itens podem variar totalmente.  Isso que torna cada receita tão única!

Como o gin surgiu

Agora um pouquinho da história da bebida.

No século XVII os holandeses criaram o gin, uma bebida destilada muito rica em sabor e com grande variedade de ingredientes. Na época se chamava Geniévre e era usada como tônico de digestão.

A bebida servia bem como diurético, mas não demorou muito para eles perceberem era muito mais agradável como bebida alcoólica!

Apesar de popular na Holanda, o gin só ganhou a receita e nome atuais na Inglaterra, quando ganhou mais qualidade na produção e se popularizou entre as tropas do exército da nação.

Tipos de Gin

Variedades e tipos de gin

Hoje em dia a variedade de tipos de gins é muito grande, pois pode ser fabricado em qualquer lugar em que o zimbro possa ser achado.

Com certeza você vai encontrar um gin para chamar de seu!

Métodos de destilação do gin

Antes de tudo, é legal entender porque as bebidas são categorizadas entre fermentadas e destiladas!

Resumidamente, as destiladas tem muito mais álcool do que as fermentadas.

Mas para chegar no produto final, como uma bebida destilada, o gin passa primeiro pelo processo de fermentação, assim como a cerveja e o vinho.

A fermentação de cereais e frutas é como se obtém o álcool. Os sumos dos cereais e frutas são misturados a leveduras, fungos que "comem" o açúcar e em troca formam o álcool.

O gin é feito a partir de cereais como milho, trigo, cevada, centeio (às vezes até arroz) e, por último, o zimbro.

Depois disso, ele vem o processo de destilação em alambique com ingredientes botânicos, como especiarias, frutas secas e/ou saborizantes.

A destilação pode acontecer de variadas formas, sempre em duas etapas: a primeira, chamada destilação, e a segunda, chamada retificação.

Destilação, a primeira etapa

Nesta etapa da produção do gin, o objetivo é conseguir um líquido puro, sem cor ou aroma.

Para isso, acontece a destilação fracionada, que separa os líquidos obtidos com a fermentação dos cereais.

Especialistas chamam essa bebida inicial de "vinho fraco" ou "destilado base".

Retificação, a segunda etapa

Neste momento acontece uma segunda destilação dos vinho fraco.

O objetivo é extrair os óleos essenciais dos botânicos para dar aroma ao destilado base.

Para obter o resultado final, os ingredientes botânicos selecionados são misturados junto ao líquido obtido na primeira destilação.

Esse processo também fortifica e purifica o destilado base.

E, por último, o gin aromatizado é reduzido ao teor de engarrafamento com adição de água.

A retificação/re-destilação e extração dos aromas dos botânicos pode acontecer de diversas formas! Elas variam muito conforme a marca e o destilador.

O gin também tem uma variedade chamada "gin composto", quando a bebida é destilada apenas uma vez e as ervas são adicionadas posteriormente em forma de essências.

Dica!

Quando falarmos em um determinado paladar/sabor, as principais características da bebida serão essas:

Ufa! Agora a gente já pode recomendar os melhores gins para você.

Se liga na nossa lista!

1. Gin Beg New World Navy

Gin Beg New World Navy

Características: paladar clássico
Origem: Brasil
Quantidade de ingredientes: ND
Indicado para: Gin Tônica, Negroni e White Lady

Premiado com Medalha de Ouro no The Gin Masters, em 2018.

Um gin artesanal, com características de Zimbro em evidência, e 54% de graduação alcoólica.

2. Gin Amázzoni

Gin artesanal Amázzoni

Características: paladar aromático
Origem: Brasil
Quantidade de ingredientes: ND
Indicado para: Gin Tônica

Premiado em Londres como Melhor Gin Artesanal do Mundo no World Gin Awards 2018.

A garrafa, não é qualquer garrafa. É feita a mão em vidro reciclado.

É um gin para quem já conhece os gins clássicos e quer fugir do óbvio.

Um gin artesanal,  destilado a partir de álcool de cereais com equilíbrio de botânicas clássicas (zimbro, limão siciliano, tangerina, coentro) e brasileiras (cacau, maxixe, castanha do Pará, cipó cravo).

3. Gin artesanal Virga

Gin Virga

Características: paladar seco
Origem: Pirassununga/SP
Quantidade de ingredientes: 4
Indicado para: Gin Tônica, Negroni

Virga é uma das mais novas marcas de gins artesanais brasileiros, nasceu em 2016, e tem feito bonito!

Lançou o estilo Brazilian Dry/Gim Seco Original do Brasil e foi escolhido como o Melhor Gin Contemporâneo do Brasil pelo World Gin Awards 2019!

A marca se autodenomina como a mais brasileira do mundo. Provavelmente porque todos os ingredientes do gin são brasileiros (com exceção do zimbro, que não existe por aqui)! Legal, né?

Virga tem uma produção artesanal e, para ser ainda mais diferentona e brazuca, é produzida a partir de cana de açúcar e uma cachaça feita especialmente para virar o gin da marca.

O gin  é destilado três vezes, duas antes e uma após a infusão dos botânicos.

4. Gin Francês Citadelle

Gin francês Citadelle

Características: paladar floral
Origem: França
Quantidade de ingredientes: 19
Como servir: com cítricos e/ou folhas de angélica amassadas

A história dos franceses com o gin começou lá em 1775, com a autorização do Louis XVI para abertura de uma destilaria na cidade de Citadelle.

Os alambiques usados para a destilação das bebidas na época são os mesmos usados atualmente na produção do dry gin Citadelle.

É muita tradição, né?

Os botânicos do rótulo ficam em infusão por 72 horas. Já a destilação dura 12 horas!

Esse processe proporciona um paladar equilibrado, delicado e floral.

O rótulo possui tamanho frescor e elegância que a marca o apresenta como "o verão num copo"! não será novidade dizer que o gin Citadelle já foi premiado várias vezes, né?

5. Gin Inglês Beefeater

Gin Beefeater

Características: paladar clássico
Origem: Londres, Inglaterra
Quantidade de ingredientes: 9
Indicado para: Gin Tônica, Negroni e White Lady

Este é um clássico London Dry Gin!

O Beefeater é produzido desde 1863 e é um dos rótulos de gin mais premiados do mundo.

O aroma é suave, mas apresenta destaque para os cítricos e as especiarias.

Já no paladar, o zimbro é quem aparece mais.

Ótimo para diversas receitas de drinks!

6. Gin Hendrick's

Gin Hendrick's

Características: paladar aromático
Origem: Inglaterra
Quantidade de ingredientes: 11
Indicado para: Gin Tônica

Um gin aromático, fora do óbvio.

Além do zimbro (ingrediente principal de todo gin), é destilado com raízes de angélica doce, lírio fiorentino, rosas e pepinos (yes, pepinos!).

7. Gin Inglês Bombay Saphire

Gin Bombay Sapphire

Características: paladar aromático e equilibrado
Origem: Londres, Inglaterra
Quantidade de ingredientes: 10
Indicado para: Gin Tônica e Dry Martini

Com uma receita datada de 1761, tripla destilação e  infusão a vapor como retificação, o Gin Bombay Saphire é um dos rótulos mais tradicionais do mundo.

E o melhor, fácil de encontrar nos supermercados daqui!

O sabor único e agradável transparece o cuidado com a escolha e colheita dos ingredientes botânicos.

É visto com um dos melhor gins para a clássica Gin Tônica!

8. Gin Inglês Bulldog

GIn Bulldog

Características: paladar cítrico, final fresco e equilibrado
Origem: Londres, Inglaterra
Quantidade de ingredientes: 12
Indicado para: frutas cítricas e/ou canela

Um rótulo premium, elaborado de maneira artesanal.

O gin Bulldog é produzido em Londres, mas tem ingredientes especialmente selecionados em vários países.

Isso e a quadrupla destilação proporcionam ao gin um paladar bem equilibrado e muito aromático.

É um ótimo gin para quer experimentar novas combinações na hora de servir!

9. Gin Tanqueray

Gin Tanqueray

Características: paladar clássico
Origem: Escócia
Quantidade de ingredientes: ND
Indicado para: Dry Martini e Gin Tônica

A Tanqueray está no mercado desde 1830 e atualmente é uma das marcas reconhecidas e vendidas no mundo todo.

Teve origem em Londres, mas atualmente é produzido na Escócia.

Destilado 2 vezes a partir de ingredientes selecionados da Itália -  e colhidos manualmente.

Tem um aroma bem cítrico, com destaque para o próprio zimbro.

Reza a lenda que apenas 4 pessoas no mundo todo saibam a receita completa do gin Tanqueray!

10. Gin Brasileiro Silver Seagers

Gin Silver Seagers

Características: paladar aromático
Origem: Brasil
Quantidade de ingredientes: + 20
Indicado para: GT

O gin brasileiro produzido em escala industrial mais bem avaliado atualmente.

Foi considerado o melhor gin do Brasil pela revista Paladar, do Estadão, em 2017, uma avaliação que não incluiu os artesanais (que estão no topo dessa nossa lista).

Com estilo London Dry Gin, ele é elaborado por destilação tripla e tripla filtragem.

11. Gin Brasileiro Torquay

Gin Torquay

Características: paladar suave
Origem: São Roque, São Paulo
Quantidade de ingredientes: ND
Indicado para: Gimlet, Bee's Knees, Gin Fizz, Negroni

Este exemplar de London Dry Gin é produzido no Estado de São Paulo, pela cervejaria e destilaria Stoliskoff, que também faz cerveja e vodka.

É um dos gins com preço mais acessível no mercado brasileiro.

Ele tem aromas simples, mas equilibrados. Em boca é suave.


. . .


Leia mais:

As melhores cachaças do Brasil

Melhores espumantes nacionais e importados

As top 10 vodkas importadas


Quer comparar preços de bebidas e comprar tudo sem sair de casa? Então acesse o buscador de preços da Zaply!