Se você não pode ou não quer ingerir glúten e já sente saudades das massas, calma! A gente te mostra algumas alternativas.

Parece impossível, mas a massa ainda pode fazer parte do cardápio de quem tem hipersensibilidade ao glúten (celíacos), alergia ou excluiu a proteína da dieta.

Por isso criamos o guia completo da massa sem glúten! Assim você não fica só na vontade, tá?

Se você é intolerante, celíaco ou está fazendo uma dieta gluten-free, pode também se interessar pela nossa Lista dos Melhores Produtos Sem Gluten do Mercado em 2019.

Continue lendo e saiba tudo sobre a massa sem glúten!

O que é o glúten

Alimentos que podem virar farinha para massa sem glúten

O glúten é um composto de proteínas bem comum em vários cereais.

No caso das massas, ele aparece como componente natural do trigo.

Quando ingerido com moderação o glúten pode ser benéfico para a saúde, mas em excesso acarreta em colesterol alto, aumento de peso e diversos outros sintomas.

Por isso, quando se fala em cortar carboidratos, a massa feita com farinha refinada (branca) é um dos primeiros alimentos eliminados da dieta.

Essa massa, que costuma ser a mais consumida no formato de macarrão ou como base para tortas e pizzas, também passa a ser um problemão para quem não pode ingerir glúten por questões relacionadas à saúde.

E foi justamente pela demanda do mercado que as alternativas, as massas gluten free, passaram a bombar na culinária e, portanto, nos supermercados.

As massas gluten-free são produzidas de duas formas:
* com farinhas alternativas ao trigo
* com alimentos substitutos a farinha (arroz, palmito, entre outros), mas produzidos no formato do macarrão

Quais os tipos e benefícios das massas gluten free

Variedade das massas sem glúten

Essas alternativas de massa sem glúten deixarão suas refeições preferidas com novos sabores!

Na hora de fugir do glúten, a criatividade rola solta na culinária.

Nem todas as massas sem glúten tem um sabor igual ao da massa tradicional, mas são uma boa forma de fugir do comum na hora de cozinhar!

Olha aí!

Massa integral sem glúten

A massa integral é uma das mais nutritivas

A massa integral é altamente nutritiva porque não passa pelo processo de refinamento, que retira grande parte dos nutrientes pra chegar no resultado final.

Ao manter as vitaminas, proteínas, minerais e fibras, a massa integral ajuda no funcionamento do intestino, proporciona mais saciedade, reduz o colesterol ruim e a glicose.

Dentre as massas sem glúten, a massa de arroz integral é uma das mais fáceis de encontrar nos mercados.

Massa de arroz integral: possui boa quantidade de fibras, o que proporciona saciedade.

Encontre na variedade de espaguete ou parafuso.

Massa sem glúten de amido e fécula

Massas sem glúten pode ser feitas a partir de diversos tipos de amido

São carboidratos extremamente importantes para o bom funcionamento do nosso corpo!

Por serem muito parecidos e extraídos, principalmente, de tubérculos, raízes e grãos, são comumente chamados pelo mesmo nome: amido.

Mas, tecnicamente, o amido é um produto extraído das partes aéreas (que ficam em cima da terra) comestíveis dos vegetais.

Já a fécula é um produto extraído das partes subterrâneas comestíveis dos vegetais.

Opções de massa de amido sem glúten:

Massa de fécula de batata: ajuda no processo intestinal, proporciona saciedade e ajuda no emagrecimento.

Massa de fécula de mandioca: também conhecida como polvilho! Ela auxilia na saúde dos ossos, do sistema neurológico e do sangue, além de aumentar a energia.

Massa de milho: auxilia na prevenção da prisão de ventre e doenças intestinais.

Encontre nas opções de milho tradicional, milho com tomate ou milho com linhaça dourada.

Massa de leguminosas - sem glúten

As leguminosas são ricas fontes de carboidrato!

São aquelas sementes que crescem em vagens, como os feijões, lentilhas, e ervilhas. Possuem grandes quantidades de proteína vegetal, fibras e vitaminas.

São muito benéficas para a saúde, proporcionando benefícios como sensação de saciedade, estabilidade da glicose e menor absorção do colesterol ruim.

Opções de massa de leguminosas sem glúten:

Massa de grão-de-bico: dentre os diversos benefícios, é fonte de fibras, auxilia no colesterol, trânsito intestinal, pressão arterial, absorção de açúcar e redução de peso.

Encontre na variedade de grão de bico e arroz integral ou grão-de-bico cozido a vapor.

Massa de soja: também é rica em benefícios! Entre eles, reduz o colesterol ruim, o risco de doenças cardiovasculares e fortalece os ossos.

Outros tipos de massa sem glúten

As massas Shirataki e Bifum não tem glúten e são famosas pelo baixo teor calórico

Existem tantos tipos de massas sem glúten é até difícil definir tudo em categorias. Aqui separamos mais algumas alternativas!

Massa de quinoa: é considerada uma proteína completa. Possui diversas vitaminas essenciais, minerais e fibras que ajudam a regular o sistema digestivo.

Além disso, reduz o colesterol e ajuda na eliminação de gordura.

Encontre na variedade de quinoa e milho ou quinoa e vegetais.

Macarrão de Shirataki: feito a partir da planta konjac e muito popular no Japão. É rico em fibras e muito pouco calórico, por não conter carboidratos.

Macarrão de palmito/pupunha: nada além de palmito cortado em tiras/fios! Possui alta concentração de fibras e vitaminas. Ajuda na saúde digestiva e intestinal.

Encontre com teor de sódio reduzido ou embalado em fios.

Macarrão de bifum: originário da China e feito com massa seca de arroz. Possui um pouco menos de calorias que o macarrão tradicional e cozinha muito rápido.

Atua no controle do diabetes e prevenção de doenças do aparelho digestivo.


. . .


Leia mais:

Melhores azeites de oliva extravirgens do mercado

Lista de compras de supermercado pronta para imprimir

As top 5 granolas do mercado


Quer economia e praticidade na hora de fazer as compras de supermercado?

Acesse o buscador de preços da Zaply e compare preços de produtos vendidos em supermercados online.