Fazer feira é muito bom! Escolher legumes lisinhos, frutas cheirosas, folhas verdes e vibrantes. Tudo isso, além de um pouco terapêutico, garante um prato colorido e uma alimentação mais saudável. Mas você evita tudo isso por que os vegetais estragam muito rápido?

Então continue lendo que nós vamos te ajudar!

Está na hora de dar um basta aos vegetais murchos, amarelados, mofados. Aprender a armazenar corretamente os vegetais vai garantir a você uma vida mais saudável e uma economia extra.

Preparamos 7 dicas para facilitar a sua vida e a sua alimentação! Vamos lá:

1. Cada vegetal em seu lugar

Legumes, frutas e hortaliças são vegetai. I Fotografia: iStock

Para saber como armazenar cada vegetal na geladeira, nós precisamos entender um pouquino sobre eles, tá?

Parece incrível que alguém não entenda sobre a comida que coloca para dentro do próprio corpo, mas é mais normal do que deveria ser.

Isso prejudica muito a forma como cuidamos dos alimentos que levamos para casa!

Vegetais são todos os alimentos que são plantas!

Entre eles existem várias categorias, mas algumas exigem um armazenamento mais cuidadoso.

Como diferenciar vegetais, legumes e frutas

  • As hortaliças, também conhecidas como verduras, são todas as folhas, flores, botões e hastes comestíveis.

  • Os legumes são os frutos (são salgados ou não doces), caules, tubérculos e raízes.

  • As frutas geralmente são doces ou cítricas.

2. Melhor forma de higienizar vegetais

Higienize os vegetais na hora do consumo

Ao contrário do que a maioria das pessoas pensam, lavar os vegetais antes de guardar tudo em seu devido lugar não é o mais indicado para todas as situações.

Para alguns alimentos, a limpeza deles deve ser feita apenas no momento do consumo.

E o motivo para isso é muito simples: cada hortaliça, legume e fruta tem naturalmente a sua "capa protetora" e quando as limpamos, retiramos um pouco dessa proteção.

Existem várias fórmulas caseiras usadas para higienizar vegetais. As mais comuns são:

  • Bicarbonato
  • Água sanitária
  • Vinagre
  • Sabão neutro

Mas, se você procura praticidade e segurança na hora de higienizar e preparar sua alimentação, o mais recomendado é utilizar um produto específico.

Produtos recomendados para higienizar vegetais

Lava e Desinfeta Vegetais PURY VITTA:  elimina as bactérias dos alimentos em cinco minutos.

Desinfetante de vegetais PURY VITTA

3. Como armazenar Ervas e Temperos

Formas de armazenar ervas e temperos I Fotografia: Goh Seok Thuan/Shutterstock

Quem nunca colocou temperinhos fora que jogue a primeira pedra!

Infelizmente eles vão muito para a lixeira. Ficam amarelados e murchos rapidamente e geralmente são consumidos em uma pequena quantidade.

Mas tudo tem solução!

Em geral, você pode usar estes dois métodos:

Se você cozinha pouco

Gosta de ter sempre o temperinho fresco à sua disposição? O melhor é congelar.

  • Faça a higienização como sempre, descarte ou guarde os talos em outro recipiente e corte os temperos.
  • Seque bem com papel toalha ou pano de prato.
  • Coloque em potes, saquinhos, copos ou até em uma garrafa pet cortada.
  • Guarde no freezer e quando precisar usar, é só colocar o tempero em água corrente ou jogar os pedacinhos congelados diretamente na panela.

Se você cozinha bastante

Quer ter zero trabalho? A dica é outra:

  • Lave os temperos e ervas como de costume.
  • Seque bem com papel toalha ou pano de prato.
  • Em um potinho de tamanho adequeado ao tempero, coloque um pedaço de papel toalha de forma que cubra todo o fundo.
  • Armazene o tempero em cima do papel toalhe e tampe bem.
  • Esse processo atrasa o envelhecimento das ervas e temperos e eles permanecerão fresquinhos por mais alguns dias.

Ah!

O Manjericão é um dos temperos mais saborosos da nossa culinária e necessita de um armazenamento diferente:

Diferentes formas de armazenar manjericão

Se o tempero for usado em breve, estas são práticas opções de  armazenamento:

  • Coloque em um saquinho de prolietileno;
  • Coloque em um recipiente com água;
  • Guardar o tempero em um recipiente próprio para ervas.

Mas se você quer manter o manjericão bom durante vários meses, a nossa primeira dica é congelar:

  • Retire todas as folhas dos galhos;
  • Descarte os talos ou reserve para usar como preferir;
  • Enxágue as folhas delicadamente;
  • Em seguida, remova o excesso de água das folhas com uma folha de papel toalha;
  • Separe cada folhinha do tempero e armazene em bandejas no congelador;
  • Aguarde duas horas;
  • Quando estiverem congeladas, coloque cuidadosamente as folhas em recipientes bem fechados.

Após descongelar o tempero você poderá cortar as folhas ou até usá-las inteiras.

E se a sua intenção é armazenar o manjericão na geladeira durante vários meses, é ainda mais fácil:

  • Higienize as folhas do manjericão;
  • Segue com papel toalha;
  • Coloque em um recipiente e salpique com sal;
  • Encha o recipiente com azeite de oliva;
  • Tampe o recipiente e armazene na geladeira.

Dessa forma o manjericão e o azeite de oliva poderão ser utilizados da forma que você preferir!

4. Por que separar algumas frutas

Banana e maçã são as frutas com maior concentração de etileno

Finalmente sabemos quem é o causador da confusão na fruteira e no gavetão da geladeira: o gás etileno!

Todos os vegetais produzem esse gás. Ele é inofensivo para nós e bem importante para os alimentos. É ele quem faz algumas frutas e legumes amadurecerem muito antes das outras.

As frutas, quando estão maduras, são as que mais emitem o gás. Por isso é importante deixarmos elas e outros vegetais separados de alimentos menos sensíveis ao etileno.

Os vegetais que devem ser armazenadas em local separado são:

  • Banana;
  • Maçã;
  • Melão;
  • Tomate;
  • Mamão;
  • Abacate;
  • Manga;
  • Pimentão;
  • Abacaxi;
  • Pera;
  • Uvas;
  • Figos.

E assim nós descobrimos que realmente basta uma maçã podre para estragar as outras.

Ha!

5. Como armazenar vegetais na geladeira

Armazene vegetais no gavetão da geladeira

Nem todas hortaliças, legumes e frutas se adaptam à temperatura da geladeira ou necessitam dela.

Já para outras, a temperatura baixa até aumenta o prazo de validade.

Na hora de armazenar as compras da feira, abra um espacinho na geladeira para os seguintes vegetais:

  • Melão já cortado;
  • Pêssegos maduros;
  • Abacates maduros;
  • Mangas maduras;
  • Morangos;
  • Cenouras e abobrinhas (ela duram mais em potinhos com tampas);
  • Abacaxis maduros;
  • Melancias maduras;
  • Aspargos (permanecem mais frescos se armazenados em sacos plásticos);
  • Folhas frescas.

Tente guardar os vegetais sempre no gavetão!

Ele existe por um importante motivo: proporciona uma temperatura um pouco mais alta que no resto da geladeira, ideal para os vegetais.

6. Como fazer as folhas verdes durarem mais

Um dos maiores desafios na cozinha é a salada verde fresquinha

Uma salada fresquinha é a entrada perfeita para uma refeição. O único problema é que folhas verdes são extremamente sensíveis e geralmente não duram muito tempo na geladeira (ou fora dela).

Para conseguir um tempinho de vida a mais para as hortaliças, existem algumas técnicas:

  • As folhas sim devem ser sempre higienizadas antes do armazenamento. Nada de preguiça!

  • Seque todas as folhas com um pano de prato limpo, toalha de papel ou até centrífuga, para os mais preparados ou profissionais;

  • Armazene as folhas em recipientes com tampa, com um folha de papel toalha ao fundo para enxugar a umidade.

  • Se possível, coloque uma folha de papel entre cada folha para ajudar a manter o frescor.

7. Como congelar os legumes corretamente

A melhor forma de congelar legumes é a técnica do branqueamento

Não ter que fazer feira toda semana é o sonho de muita gente.

Para ajudar você, descobrimos uma técnica bem legal chamada "branquear" ou "escaldar". Isso é coisa fina usada por chefs, hein!

A técnica nada mais é do que fazer um pré-cozimento e depois colocar os legumes num choque térmico. O legume fica durinho, mas cozido.

Você pode até comer na hora!

Mas como o nosso objetivo é congelar, siga os passos:

  • Ferva uma média de 1 litro de água para cada 100g de legumes descascados e cortados;

  • Cozinhe até que fiquem "al dente", cozidos, mas firmes;

  • Logo em seguida, mergulhe os legumes em água fria e deixe até que fiquem frios;

  • Depois é só colocar em um recipiente e congelar.

Percebeu que não basta colocar os vegetais na geladeira, eles necessitam de uma atenção especial, né?

Apesar de parecer um pouco trabalhoso, a sua saúde com certeza vai agradecer!

Dica bônus!

Uma ótima alternativa para quando os alimentos já estiverem murchinhos, é apostar em caldos, sopas e até mesmo um refogado.

Aquele famoso "takatudo". Coloca o seu chef interior para trabalhar e aproveita para inventar comidinhas que você nem sabia que poderiam ficar boas juntas!

Mas você armazenou os vegetais direitinho, demorou para usar e eles já estão sem condições, descarte.

Sempre respeite os prazos de validade!

Gostou das nossas dicas? Tem alguma outra sugestão para acrescentar no post? Escreva para redacao@zaply.com.br!


. . .


Quer fazer feira e comparar preços entre produtos e supermercados sem sair de casa? Acesse a Zaply e faça tudo pela internet!